Casa com cortina é outra casa, não é mesmo? As cortinas, além de peças importantíssimas na decoração, são grande aliadas do conforto e bem-estar quando a gente tá em casa. Tá se perguntando o porquê? Bom, elas aliviam a grande luminosidade que vem de fora, mas cumprem um papel importante também na proteção contra ruídos e, sobretudo, na limpeza da casa, porque agem como barreiras contra as sujeiras que tentam entrar em casa por portas e janelas. Só que, cumprindo esse papel de protetoras, as cortinas acabam ficando muito sujas e precisam da nossa ajuda para deixar a casa arrumada do chão ao teto. Vamos às dicas de hoje?

1 – Identificando o tipo de cortina

O primeiro passo é ter consciência do tipo de cortina da sua casa. Tem muitos tipo, como as cortinas de tecidos, como algodão, seda, tafetá, veludos, dentre outros e as cortinas de plástico, mais comum em persianas, por exemplo, além das venezianas, que vamos considerar aqui um tipo de cortina também – por que não? Que tipo você tem em casa? Já sabe nos dizer?

2 – Para cada tipo de cortina, uma ação

Bom, se sua cortina é de tecido, aqui vão algumas dicas de como deixá-las limpinhas, limpinhas, e com o cuidado devido para garantir mais vida útil para elas: se o tecido for algodão, você pode lavar em casa mesmo, na máquina de lavar, mas em vez de sabão em pó comum, use detergente neutro para evitar manchas; depois, seque sua cortina bem esticadinha para evitar as marcas e pronto! Faça isso de 6 em 6 meses, ou quando perceber que ela precisa de um trato, e você já garante uma cortina de algodão sempre com cara de nova!

Se sua cortina é de seda, tafetá ou de veludo, nossa dica é lavar sua cortina a cada 6 meses numa lavanderia. A gente sabe que fica mais caro do que lavar em casa, mas pensa só no prejuízo se você decidir lavar por conta própria e estragar o material? #fikadika

Agora, se sua cortina é uma persiana, não importa se de plástico, madeira ou tecido, daí não dá pra ficar desmontando pra lavar, não é? Nesse caso, a dica é limpar sua cortina persiana de tecido com aspirador de pó e, se estiver muito suja, usar um pano úmido com água. Contratar mão de obra especializada também pode ser uma boa opção ou, então, pedir um help pra gente.

Sabão em pó, cloro ou outros produtos químicos devem ser evitados, afinal ninguém quer uma cortina manchada, não é?! 😉

Por fim, se você se esconde do sol com uma veneziana, a dica é passar em toda a superfície do metal uma buchinha úmida com detergente neutro, depois um pano úmido para tirar o excesso e, por fim, outro paninho seco. Agora, se for de madeira, daí você já vai direto para a parte do pano úmido, mas nesse caso só com água mesmo, para não danificar o material.

3 – De quanto em quanto tempo eu preciso limpar minha cortina

Já demos vários spoilers acima, mas, na verdade, não existe resposta certa pra essa pergunta. A limpeza das cortinas depende do ambiente onde elas estão: se tem muito pó, poeira ou sujeira, você vai precisar limpá-las ou lavá-las com mais frequência, e daí pode variar de 1 vez por semana a 1 vez por mês. Agora, se sua casa não fica na beira de uma estrada de chão, nem em frente a uma avenida de uma capital, daí um prazo legal pode variar de 3 a 6 meses. Uma dica que a gente dá é “balançar” sua cortina durante a faxina semanal, se possível. Você sacode a poeira (literalmente) e garante um tempinho a mais de cortina limpa.

Curtiu as dicas de como deixar as cortinas em dia, mas achou trabalhoso demais? Não se preocupa! Chama a gente que te ajudamos a deixar não só sua cortina como nova, mas sua casa inteirinha!

Author

O fã #1 do Vinagre. Sempre procurando uma nova dica ou forma de limpar a casa para tornar esse processo ainda mais fácil. Nas horas vagas libero a energia com uma boa corrida e estou sempre disposto pra um bom café - ainda mais se for um expresso! Descobrindo a saúde na limpeza, um produto novo por vez.

Write A Comment