O mofo é um tipo de fungo muito comum em casas, que se desenvolve pela formação de esporos que ficam no ar. Ambientes quentes e úmidos são ideais para a proliferação do mofo e, por isso, banheiros, paredes e móveis podem se tornar um alvo fácil desse inimigo de todo dono de casa.

Eles podem surgir por alguns motivos: excesso de umidade, estouro de algum cano e outras infiltrações em geral. Ao identificar a existência de mofo na sua parede, é importante agir rapidamente para combatê-lo, já que além de estragar a estrutura da sua casa, esse fungo pode apresentar riscos à saúde.

Seus esporos podem prejudicar nosso aparelho respiratório, contribuindo com o desenvolvimento ou agravamento de doenças como a rinite, sinusite e asma alérgicas. Além disso, o mofo emite uma substância tóxica chamada biotoxina, que pode atacar fígado e rins dos que convivem no ambiente com o bolor.

Como reconhecer se é mofo ou sujeira?

Para ter certeza que você está lidando com mofo e não apenas com sujeira, faça um teste rápido: aplique um pouco de alvejante nas manchas e aguarde alguns minutos. Se elas começarem a clarear, bingo! Você está diante de uma proliferação de fungos. 

Se ainda ficar em dúvida, considere que o mofo também possui um cheiro  desagradável e pode variar de coloração, de pontos pretos a azuis ou esverdeados e até mesmo vermelhos.

A localização das manchas também é um forte indício, já que ambientes úmidos e com pouca circulação de ar são mais propícios para a proliferação do bolor. Ele pode aparecer também nos rejuntes de azulejos como manchas escuras e também em rachaduras, não se limitando às paredes lisas.

5 receitas caseiras para eliminar o mofo da parede

Remover mofo da parede

Existem alguns métodos para fazer a remoção do mofo nas paredes, e você pode escolher qual será a melhor solução para o seu problema em específico. Independentemente de como você decidir se livrar desse problema e manter a casa limpa, é essencial lembrar de se proteger adequadamente, ok?

Use proteção para os olhos e luvas e não se esqueça de manter o ambiente bem arejado antes de começar. 🙂

1. Água sanitária

A água sanitária é um dos produtos mais comuns para a remoção do mofo. Utilizando um balde, faça uma mistura de ⅓ de água sanitária para uma parte de água. Use uma esponja ou escova para aplicar a solução e esfregá-la nos pontos mofados da parede. Por fim, enxague com um pano úmido e seque bem para retirar o máximo de umidade. Assim você previne que o bolor retorne! 

2. Água oxigenada

A água oxigenada também é um produto bastante eficaz contra o bolor, por ter propriedades antibacterianas e clareadoras. Para utilizá-la, basta aplicar o produto diretamente nos pontos mofados da sua parede e deixar agir por 15 minutos. Esfregue com uma esponja ou escova até que todas as manchas tenham sido removidas. 

3. Álcool

Tanto a versão em gel quanto líquida podem ser usadas para remover o mofo das paredes. O processo é semelhante aos outros: aplique na parede diretamente, deixe agir por 10 minutos e esfregue com esponja ou escova até sair. Ah, e não se esqueça de secar bem!

4. Vinagre + sal + bicarbonato de sódio 

Essa mistura age como um amolecedor do mofo, facilitando sua retirada de forma segura e sem cheiros fortes, como o da água sanitária. Para fazê-la, misture 1 litro de vinagre com 3 colheres de sopa de sal e, aos poucos, vá misturando 4 colheres de sopa de bicarbonato de sódio. Insira a solução pronta em um borrifador, aplique na parede, deixe por algumas horas e esfregue até o bolor sair. 

5. Óleo de melaleuca

O óleo de melaleuca é excelente na remoção de fungos, bactérias e vírus e pode ser um forte aliado na remoção do bolor. Ele não causa nenhum mal a adultos, mas pode ser irritante para crianças e animais, portanto, fique atento ao utilizá-lo. 

Misture uma colher de chá de óleo de melaleuca em um copo d’água, insira em um borrifador e aplique nas paredes. Deixe descansando durante a noite e, no dia seguinte, aplique vinagre em um pano para esfregar e remover os fungos até a área ficar completamente limpa.

Como evitar o retorno do mofo?

Agora que você já sabe como eliminar o mofo das paredes de casa, é essencial manter o ambiente limpo para que o bolor não retorne e cause mais problemas à estrutura da casa ou à saúde dos moradores, não é mesmo? 

Como você já percebeu, a melhor maneira de evitar com que ele retorne é mantendo os ambientes sempre arejados e secos. No caso de banheiros, que são ambientes naturalmente mais úmidos, invista numa boa ventilação (como com uma janela maior, por exemplo). Não se esqueça de consertar os vazamentos e infiltrações e, caso o mofo continue retornando, talvez seja o caso de instalar um desumidificador elétrico em áreas críticas.

E se você precisar de ajuda para remover o mofo ou manter sua casa sempre limpa e livre de fungos e sujeiras, saiba que você pode contar com a gente! É só pedir um help clicando aqui que fazemos a ponte entre os melhores profissionais de limpeza domiciliar e o seu lar. Curtiu o post? Então compartilhe com seus amigos! 🙂

Author

Sou fascinada pelo universo da decoração e organização da casa - as duas andam juntinhas. Adoro um bom papo com café no fim da tarde e como boa mineira não dispenso um pão de queijo. Amo ver séries novas, principalmente as que são comédias ou sitcoms. Acompanho sempre a vogue e blogs de decoração.

Write A Comment